Mercados de Natal na Alemanha: saiba em quais ir

por   Natalia Manczyk
0 Comentários
Mercados de Natal na Alemanha

Esta autora do post mora hoje em dia em Colônia , na Alemanha, e já morou também em Berlim e Bonn. E como qualquer morador alemão, fui em muitos mercados de Natal na Alemanha. Descubra quais são os melhores, quais são as comidas alemãs dos mercados de Natal, o que beber,  o que comprar, quanto custam… enfim, todas as respostas.

Quando são os mercados de Natal na Alemanha

Geralmente, os mercados de Natal começam no último fim de semana de novembro e vão até o Natal, mas cada cidade tem o seu calendário. Os mercados fazem com que a gente não sinta o peso do inverno chegando e com que aquela preguiça que poderia aparecer por escurecer cedo acabe não chegando.

Afinal, ninguém quer ficar em casa nessa época: depois do trabalho (ou da faculdade, da escola, o que for), os amigos se encontram em frente às barraquinhas quase como quem se encontra em um bar. “Vamos no mercado de Natal? Qual?” e assim o fim de tarde se agita.

 Oferta de hotéis na Alemanha

Os mercados de Natal são pagos?

Depende. A maioria é gratuita (maioria mesmo: uns 99%) e paga-se só para ficar em lugares especiais como restaurantes fechados montados especialmente para o mercado de Natal. Também há atividades pagas, como patinação no gelo e roda-gigante. Em Berlim, por exemplo, há um mercado de Natal pago, o da praça Gendarmenmarkt, mas o preço é simbólico: € 1 por pessoa e vale a pena.

Mercados de Natal na Alemanha Berlim Gendarmenmarkt

O mercado de Natal da Gendarmenmarkt é um dos poucos pagos: custa só €1 e vale a pena

Bebidas do mercado de natal

Apesar de a cerveja ser preferência nacional (os alemães bebem até de manhã), nessa época do ano eles trocam a cerveja pelo Glühwein, o vinho quente, ou pelo um pouco menos tradicional Eierpunsch (feito com vinho branco, baunilhaaçucar e gema de ovos).

E como é o esquema para comprar a bebida? Custa por volta de € 3 ou € 4, mas você paga cerca de € 4 ou € 5  a mais como depósito  (o chamado pfand) pela caneca. Quando devolver a caneca você pega o depósito de volta. E se quiser ficar com a caneca de lembrança (elas costumam ser bonitas), é só levar para casa. Cada banquinha do mercado de Natal tem a sua caneca ou taça.

Gluhwein e Eierpunsch

Veja mais:

Em um mesmo mercado você pode encontrar umas quatro variações de canecas decoradas, geralmente com desenhos do bairro. Eu, por exemplo, fiquei apaixonada por uma taça do mercado de Natal da Kurfürstendam. Como era o primeiro mercado, decidi ver se achava uma ainda mais bonita em outros mercados, não achei e voltei ao primeiro só para comprá-la.

Se você estiver a turismo, provavelmente não vai ter esse tempo todo para voltar em mercado de Natal. Por isso, a dica é: gostou da taça, leva. Será uma boa lembrança para você ou para os conhecidos.

Os mais famosos Mercados de Natal da Alemanha

Nuremberg

O chamado Christkindlesmarkt, o mercado de Natal de Nuremberg, é o mais famoso da Alemanha e é tradição desde o século 17 quando as barraquinhas já tomavam a praça principal da cidade: hoje são 180 delas. A praça fica a cerca de 20 minutos a pé da estação central de Nuremberg, mas tire o dia para passear por todo esse centro antigo. Você vai cruzar pontes de pedras, muralhas e ruelas medievais com casinhas enxaimel.

Mercados de Natal na Alemanha Nuremberg

Foto: Florian Trykowski

O mercado começa na sexta-feira antes do advento (o quarto domingo antes do Natal), com um “anjo” (as crianças se vestem de anjo) aparecendo na Frauenkirche, igreja que serve de cenário para o mercado.  Segue até o dia 24, com as tantas barraquinhas vendendo não só comidas, como brinquedos e roupas, tanto que o mercado de natal é conhecido como pequena cidade de madeira e tecidos. Não deixem de provar a típica salsicha de Nuremberg: a Nuremberg Bratwurst, que tem o tamanho de um dedo. Para pedir do jeito tradicional da Francônia, peçam a Drei im Weggla, ou seja, três salsichas no pão. É delicioso.

Mercados de Natal na Alemanha Nuremberg

Foto: Florian Trykowski

No centro amuralhado fica também o castelo, que rende uma vista linda da cidade, e, ao lado, uma casa de 1636, hoje ocupada pela loja Justin Interieur. Já o tão conhecido Tribunal de Nuremberg, onde foram julgados os líderes nazistas, fica a cerca de 40 minutos a pé do centro histórico mas é um passeio imprescindível.

O tribunal funciona ainda hoje, e, contraditoriamente, a sala onde os piores genocidas da história também pisaram é linda, decorada com madeira talhada. O museu, no piso superior, não é dos mais interativos, mas traz informações detalhadas do julgamento que não estão em outros livros de história.

Nuremberg Alemanha centro

Tribunal de Nuremberg

Dresden

O mercado de Natal de Dresden é o mais antigo da Alemanha: tem quase 600 anos e a história remonta a quando em 1634, acontecia ali na Prager Straße um mercado de carnes, por só um dia, pouco antes do Natal. Dresden, conhecida como a Florença do Rio Elba, está a só duas horas de Berlim e rende tranquilamente um bate e volta. O mercado, chamado de Striezelmarkt, acontece no centro histórico de Dresden, região com maior clima de cidade medieval, com ruelas de pedras, muralhas, o pomposo castelo e as pontes.

Mercado de Natal na Alemanha Dresden

Foto: Jörg Schöner

O mercado de Natal de Dresden é tão tradicional que tem até uma embaixadora, “a menina do Stollen de Dresden” que faz a abertura oferecendo o pão típico do evento, o doce Christstollen, fabricado manualmente com frutas secas cristalizadas e marzipã. Ele é oferecido nas barraquinhas (claro que além do vinho quente e das comidas típiccas alemãs) e dá até para vê-lo sendo preparado. Também é atração uma pirâmide de Natal (a maior do mundo), feita artesanalmente de madeira, bem no centro do mercado.

Mercados de Natal na Alemanha Dresden Mercados de Natal na Alemanha Dresden

Colônia

Como uma das maiores cidades alemãs, Colônia é outra com muitos mercados de Natal espalhados. Se quiser ir logo para o mais famoso, não perca o mercado na frente da Dom (a catedral), que recebe 150 barraquinhas vendendo o Glühwein, nozes, doces e muito artesanato. Comparado com os mercados de outras cidades alemãs, Colônia começou tarde: só em 1820 com o mercado da Nicolaimarkt. Outros mercados menores são no sempre movimentado Neumarkt (a área de lojas da cidade) e no Alter Markt.

O mercado é na frente dessa catedral linda que é símbolo da cidade

Nem pense em passar só um dia em Colônia porque tem muito para ver na cidade. Conhecer o Museu Romano- Germânico, passear na beira do Rio Reno e ir nos bares da Zülpicher Straße são algumas das atrações.

Munique

Munique tem tradicão de mercados de Natal na Alemanha e a cidade conta com vários deles. Mas o mais famoso só poderia ser na área mais bonita: a praça Marienplatz, daquelas que causam um baita impacto ao chegar. O mercado, conhecido, como Christkindlmarkt auf dem Marienplatz, é tão grande que acaba na verdade se estendendo para as ruas das redondezas. Rodar pelas barraquinhas dispostas em frente à Rathaus (a linda prefeitura ali na região) nos faz imaginar ainda mais na Idade Média, sensação que o centro todo ajeitadinho de Munique já traz naturalmente.

Berlim

Berlim tem vários mercados de Natal e, diferentemente das outras cidades alemãs, não tem um principal. Então, aí vão as informações de cada um para você escolher o seu.

Gendarmenmarkt

Na opinião desta moradora que foi em muitos mercados de Natal em Berlim, o mais bonito e sofisticado é o da praça Gendarmenmarkt (e olha que é dos mais novos: acontece só desde 2002). Paga-se  € 1 (a não ser entre as 11h e as 14h, quando a entrada é gratuita) e o ingresso é comprado na hora mesmo.

Os prédios suntuosos da praça – a Casa de Concertos, a igreja alemã e a igreja francesa ganham uma iluminação especial e vira mágico estar em um evento entre esses prédios tão pomposos. Um palco para shows é montado em frente à casa de Concertos, e por ser pago, tudo é de ótima qualidade: a comida, as bebidas, o artesanato e toda a estrutura.

Kurfürstendam

Este é outro mercado de Natal alemão maravilhoso e adorado pelos turistas, já que está em uma das regiões mais bonita de Berlim. Sugiro passear durante o dia pela avenida Kurfürstendamm (mesmo que você não vá comprar nada nessa avenida de lojas de luxo) e terminar a andança na igreja Kaiser-Wilhelm, destruída durante a Segunda Guerra e mantida como memorial. É aos pés dela o mercado, adorado pelas famílias e já bem movimentado à luz do dia. Fica especialmente bonito em dia ensolarado, quando o céu azul contrasta com o tom ocre da igreja.

Mercados de Natal na Alemanha Berlim

Potsdamerplatz

Por estar em uma área comercial, este mercado de Natal é ponto de encontro pós-trabalho, especialmente por volta das 17h. Lá você vai ver a turma do trabalho reunida ou mesmo turmas de jovens de camisa se encontrando para bater papo depois do escritório. Vale a pena juntar com um passeio pela região, como o shopping Mall of Berlin e o Sony Center, prédio com arquitetura supermoderna, cheio de cafés e restaurantes e que ganha iluminação colorida quando a noite cai.

Roten Rathaus

Próximo da catedral (Dom), do rio e da Alexanderplatz, esse mercado de Natal é o mais cheio de Berlim: tanto por estar em uma área mais compacta quanto porque é o ideal para as famílias. Os adultos e as crianças se divertem juntos na pista de patinação no gelo e na roda-gigante com 50 metros de altura. Já as crianças podem brincar em um carrossel e ver o Papai Noel que aparece três vezes por dia: às 16:30, 18:30 e 20:30.

Alexanderplatz

A Alexanderplatz é uma imensa praça de cimento rodeada de lojas como a Uniqlo, Tchibo, Decathlon e a de departamento Kaufhof. É frequentada mais pelos moradores do leste de Berlim, uma área mais alternativa. Por isso, rolam por lá shows alternativos ao ar livre, com mesas para assistir sentado tomando uma cerveja ou mesmo de pé perto do palco.

Potsdam

Potsdam está a 35 km de Berlim, mas é uma cidade que merece ser visitada (leva só cerca de 40 minutos com o SBahn, o trem local). É famosa pelos tantos palácios, que ocupam um imenso parque, antes “apenas” jardins do rei da Prússia. Vale combinar um passeio em Potsdam de dia com o mercado de Natal da cidade no fim da tarde. Ele se estende por uma rua estreita, onde famílias da vizinhança, daquelas já conhecidas entre si, se encontram para beber. O mercado termina em um mini Portão de Brandemburgo.

Gostou do conteúdo que você leu sobre os mercados de Natal na Alemanha? Então planeje aqui a sua viagem

Você não paga a mais por isso, tem direito a descontos e ajuda o Porta de Embarque a produzir ainda mais conteúdo

Seguro viagem com o melhor preço. Compare o preço de todos os seguros viagem, escolha o seu e ainda ganhe 5% de desconto

Reserve seu hotel no Booking.com. Você encontra ofertas de hospedagem e ainda pode cancelar quando quiser

Alugue seu carro comparando o preço em mais de 100 locadoras. E o que é melhor: sem IOF e com parcelas de até 12 vezes sem juros.

Viaje conectado. Tenha chip de internet no celular funcionando sempre bem e com desconto de 5%. É so digitar o cupom PORTADEEMBARQUE5.

Você também pode gostar de

Deixe um comentário